Logo
Logo Logo Logo

Noticías

Inflação acumulada fica abaixo do centro da meta pela 1ª vez desde 2010

A recessão tem cada vez mais pressionado para baixo o índice oficial de inflação no país, o IPCA.

Questões pontuais, como a melhora do preço dos alimentos, o vilão da inflação no ano passado, e quedas na conta de luz e da gasolina ajudaram a desacelerar ainda mais o índice em abril.

O IPCA fechou abril em 0,14%. Nos 12 meses encerrados em abril, o índice ficou em 4,08%, abaixo do centro da meta de 4,5% pela primeira vez nos últimos sete anos.

O índice oficial de inflação de abril foi divulgado nesta quarta-feira (10) pelo IBGE.

A crise econômica, o desemprego e o alto endividamento dos brasileiros contribuem para a redução do consumo de produtos e serviços pela população, o que tira a pressão dos preços.

Em agosto do ano passado, a inflação em 12 meses estava em 8,97%. A partir daquele mês, a taxa anualizada iniciou trajetória de desaceleração constante.

O componente dos alimentos, que ajudou a manter a inflação alta no ano passado a despeito da recessão, não se manteve neste ano.

Fonte: Folha.com