A ética é a vitória do interesse coletivo, diz Clovis de Barros

A palestra do professor e especialista em ética Clóvis de Barros Filho abriu último painel da convenção ABAD 2018 ATIBAIA, que contou com as presenças de Edson Vismona, Presidente-Executivo do ETCO – Instituto Brasileiro de Ética Concorrencial, e Emerson Destro, presidente da ABAD, tendo como anfitrião Leonardo Miguel Severini, vice-presidente da entidade.

Professor Clóvis iniciou diferenciando ética de moral, e explicou que a moral é uma decisão individual, que independe do olhar externo. Já a ética, ao contrário, é uma questão de consciência coletiva, social. “Na verdade, a ética é a vitória do interesse coletivo sobre as conveniências e ambições pessoais, em prol de uma convivência que seja benéfica para todos”, resume.

Na sequência, Emerson Destro falou sobre a bandeira “Ética nos Negócios”, defendida pela ABAD, e destacou a necessidade do compliance, de uma concorrência leal e de uma política de preços justa. Dessa forma, todos podem desempenhar seu papel no mercado, competindo de igual para igual.

Disse, ainda, que pensar em ética apenas na esfera pública é um equívoco. “A Lava-Jato é um começo, mas não vai consertar o país. O que vai consertar o país é o trabalho sério e a criação de condições para prosperar honestamente”, afirmou o presidente.

Edson Vismona, depois de parabenizar a ABAD por abordar o tema, concordou que a construção de um novo país deve ter como base a ética e a defesa da lei. “Tenho enfatizado cada vez mais a importância da ética nas associações”, disse, lembrando que essas entidades têm força e legitimidade para realizar essa conscientização.

Vismona também menciona que baixo IDH (Índice de Desenvolvimento Humano) e alta corrupção andam de mãos dadas. “O Brasil está em posição média nesses dois índices. Que país queremos? Um país onde fazer negócios implica altos impostos e uma concorrência perversa?”, questiona.  “A defesa da ética é o único caminho, que deve ser levado a sério, pessoal e institucionalmente”, completa.

 

Notícias Relacionadas

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.