Não há como reduzir carga tributária sem reforma administrativa, diz William Waack

  • Compartilhar
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

O jornalista e especialista em Ciências Políticas William Waack afirmou aos  convidados do Encontro de Valor ABAD 2019 que “dado o grau do gasto público no Brasil, ainda não há como diminuir a carga tributária; por isso é tão importante a redução da máquina pública com a Reforma Administrativa.”  Em sua palestra, ele abordou a conjuntura Política Econômica brasileira, com foco especial nas reformas necessárias para impulsionar o desenvolvimento do país.

Ele também destacou a atual postura do brasileiro em relação à política, dividido entre e descrença e a polarização. Mas vê como positivo o atual engajamento da maioria, o que resultou em uma substancial renovação do Legislativo por ocasião das eleições.

Waack mencionou também as dificuldades enfrentadas pelo governo federal na condução das reformas, com destaque para a questão da insegurança jurídica. “A insegurança jurídica não é algo que o presidente Bolsonaro possa resolver sozinho. É necessário contar com o apoio também do Congresso, que nesta legislatura está atuando com grande protagonismo”, afirmou aos empresários e parceiros do setor, em especial grandes fornecedores de produtos de consumo.

CLIQUE AQUI para ver as fotos e as apresentações do evento.

  • Tags

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Junte-se a nós! Conheça todas as vantagens de ser um associado ABAD

Contato

Endereço
Av. Nove de Julho, nº 3.147 – 9º andar 
São Paulo – SP | CEP: 01407-000

Horário:
Seg – Sex: 8:30h – 17:30h

Telefone
(11) 3056-7500

Newsletter

© 2020 I ABAD - Todos os direitos reservados.

Play Video

Protocolo de Funcionamento

A ABAD preparou um protocolo formal para ajudar o setor atacadista e distribuidor a implementar as medidas de prevenção para evitar possíveis impactos do Covid-19 na empresa, nos funcionários e colaboradores e nas relações jurídicas. Clique na animação para vizualizar: