Palavra do Presidente

Resultado de força e resiliência

Leonardo Miguel Severini
Leonardo Miguel Severini
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

A resiliência do setor nunca foi tão testada como nos últimos anos. Em 2020, o atacado distribuidor nacional precisou adaptar-se rapidamente às novas condições para obter sucesso em sua missão de atender o pequeno e médio varejo alimentar em plena pandemia, evitando o desabastecimento. O compromisso do setor com a indústria e os clientes varejistas revelou-se na sua capacidade para se reinventar e incorporar novas tecnologias.

Ao longo de 2021, o setor mudou ainda mais sua maneira de trabalhar, tornou-se mais moderno, investindo pesadamente no e-commerce e em novas tecnologias, procurando prestar um serviço de melhor qualidade para responder adequadamente à concorrência.

E o resultado do empenho e da dedicação dos empresários está nos números do Ranking, o principal estudo sobre a atividade do atacado distribuidor. O crescimento apresentado mostra a força do canal indireto e, consequentemente, do pequeno e médio varejo, que está mais vivo do que nunca, pois a conveniência se mostra cada vez mais importante na vida do consumidor.

Neste ano, a inflação, que já atingiu dois dígitos, e as eleições são os novos desafios que se apresentam, exigindo ainda mais planejamento, comprometimento com a eficiência e com a capacidade de inovar. No que diz respeito à economia, confiamos na robustez do setor, que há décadas vem superando com louvor os mais diversos obstáculos e se mostrando cada vez mais fortalecido.

Para fazer frente às questões políticas, a ABAD – Associação Brasileira de Atacadistas e Distribuidores mantém-se atuante no Legislativo e no Executivo, vigilante quanto às propostas do governo, em especial nos campos trabalhista e tributário, agregando suas filiadas estaduais em torno de pleitos que visam tornar o Brasil um país mais próspero, com menos entraves burocráticos, com tributos simplificados e mais fácil para empreender.

Assim, é com satisfação que divulgamos os bons resultados do Ranking ABAD/NielsenIQ 2022, nas páginas a seguir, referentes ao ano de 2021. E convidamos todo o setor para estar ao nosso lado na luta que permitirá aos próximos anos serem igualmente positivos.

E para que isso aconteça de fato, preparamos uma programação de altíssima qualidade para a Convenção anual, que será realizada em junho, reunindo os melhores temas e especialistas. Com as ferramentas certas, temos certeza de que os empresários do setor vão trilhar o caminho do sucesso. Juntos, podemos mais!

Leonardo Miguel Severini
Presidente da ABAD