Acesso ao crédito continua na pauta dos empresários brasileiros

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Os empresários integrantes do Comitê de Comércio, Serviços, Varejo, Bares e Restaurantes reuniram-se nesta quarta-feira (05) com o secretário especial de Produtividade, Emprego e Competitividade do Ministério da Economia, Carlos da Costa, responsável do Executivo por acompanhar o grupo, e as dificuldades de acesso ao crédito continuam sendo o principal entrave do setor produtivo brasileiro, neste período de crise.

Costa destacou que 90% das reclamações que tem recebido nas últimas semanas são relacionadas ao crédito, e que apesar das dificuldades, acredita que as medidas estão no caminho certo. “Esta questão é a minha prioridade, porque a retomada da economia vai depender da saúde das empresas”, disse.

O presidente da União Nacional de Entidades do Comércio e Serviços (Unecs), George Pinheiro, que também coordena o Comitê, disse que ainda não há nenhum aceno de que os recursos vão chegar aos empresários, na ponta, e que lhes dê chances de sobrevida quando o comércio for totalmente reaberto no Brasil. “As dificuldades das empresas chegam até a porta do banco, mas não entram”, destacou.

O grupo discutiu, ainda, a reabertura do comércio. Carlos da Costa defendeu a ação, desde que as empresas sigam protocolos de segurança que garantam a saúde tanto dos colaboradores, quanto dos clientes. O grupo volta a se reunir na próxima semana.

ACOMPANHE no site do BNDES a atuação dos agentes financeiros credenciados na concessão de crédito ao capital de giro para micro, pequenas e médias empresas.

* Com informações da assessoria de comunicação da CACB

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Protocolo de Funcionamento

A ABAD preparou um protocolo formal para ajudar o setor atacadista e distribuidor a implementar as medidas de prevenção para evitar possíveis impactos da doença na empresa, nos funcionários e colaboradores e nas relações jurídicas. Acesse:

Protocolo de Funcionamento

A ABAD preparou um protocolo formal para ajudar o setor atacadista e distribuidor a implementar as medidas de prevenção para evitar possíveis impactos do Covid-19 na empresa, nos funcionários e colaboradores e nas relações jurídicas. Clique na animação para vizualizar:

POLÍTICA DE Privacidade: Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência de navegação.