Semana do Brasil impulsiona alta de 12% no varejo, diz Planalto

Mais de 9 mil empresas se cadastraram para participar da ação que acontece de 6 a 15 de setembro

O Palácio do Planalto divulgou um balanço preliminar dos 4 primeiros dias da Semana do Brasil e apontou alta de 12% nas vendas do varejo em comparação com as médias de dias regulares do 1º semestre de 2019. A Semana foi idealizada pelo governo para ser como “Black Friday” brasileira e estimular o comércio em todo o país.

O levantamento foi realizado pela empresa de serviços financeiros Cielo. O setor que mais contribuiu para a alta foi o de cosméticos, que registrou crescimento de 19% entre 6 e 9 de setembro. Em seguida, contribuíram mais os setores de móveis e eletrônicos (16%), supermercados (13%) e vestuário (7%).

Mais de 9 mil empresas se cadastraram para participar da ação que acontece de 6 a 15 de setembro –nas adjacências do feriado da Independência do Brasil, em 7 de setembro.

A iniciativa é coordenada pela Secom (Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência). O chefe da divisão, Fábio Wajngarten, tem feito reuniões sucessivas com empresas de mídia sobre a semana de descontos.

Junte-se a nós!

Atendendo ao chamado do governo federal, a ABAD aderiu prontamente à Semana do Brasil e esteve presente nos encontros de mobilização realizados pela Secretaria Especial de Comunicação Social da Presidência da República (Secom).

No site da ABAD, há uma PÁGINA exclusiva sobre a Semana do Brasil, explicando o conceito da campanha, com dicas e sugestões para adesão. Também estão disponíveis para download as peças produzidas pela agência organizadora para criar posts, adesivos, selos, bandeiras, sacolas, banner, camisetas etc.

Continue compartilhando conosco suas ideias por meio da #nasemanadobrasilcomabad ou mande e-mail para leandra@abad.com.br

Notícias Relacionadas
2 Comentários
    1. anapaula Diz

      Obrigada por compartilhar. Adm.

Deixe seu comentário

Seu endereço de email não será publicado.