Devido a pandemia, PDCA ASPA realiza palestra online 

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Devido ao isolamento social para conter o avanço da contaminação pelo novo coronavírus no Estado, a Associação Pernambucana de Atacadistas e Distribuidores (Aspa) promoveu no sábado (25) a primeira palestra online transmitida para empresários e profissionais do setor, via YouTube, dando início a uma sequência de projetos virtuais para debater e repassar conhecimento aos associados sobre temas relevantes para o segmento.

A palestra online do Programa de Desenvolvimento e Capacitação da Aspa (PDCA) abriu esse novo ciclo, com os ensinamentos do consultor Antonio Xavier, que abordou o tema “Como manter sua empresa na memória do cliente”. Com cerca de uma hora de duração, a palestra elencou os princípios para a empresa otimizar a relação com sua clientela, a tal ponto de se construir um relacionamento sólido e duradouro. “Criar experiências positivas para o cliente influencia em seu comportamento e viabiliza a construção de memórias que impulsionam sua lealdade e elevam o valor econômico gerado pela empresa”, disse Xavier.

Alcançar essa condição passa por ações que vão desde investimentos nos profissionais que trabalham na empresa até a utilização de estratégias de engajamento. “Comunique-se pelo menos três vezes por semana com o seu cliente. Ofereça descontos, vouchers e consultorias gratuitas. Crie vantagens para o cliente e gere reciprocidade. Todo esse engajamento fará surgir vínculos afetivos que darão resultados positivos para o seu negócio”.

Xavier explicou que o processo de relacionamento com o cliente não acontece somente após a venda, mas sim dentro de um processo contínuo que se inicia no primeiro contato, antes mesmo de a venda acontecer. Segundo ele, a jornada de relacionamento com o cliente começa quando a empresa pratica a empatia. “Aprendendo a colocar-se na perspectiva do cliente, a empresa descobre como conquistá-lo em cada etapa da jornada, onde a primeira delas está no olhar, no contato inicial. É a partir desse primeiro contato que se começa a construir um relacionamento salutar e confiável”.

O consultor também destacou a importância de não enxergar o cliente como um mero CNPJ, mas sim como um ser humano, tratando-o pelo nome, desenvolvendo uma proximidade baseada no respeito e na admiração mútua. “A qualidade no atendimento é primordial para a sobrevivência e crescimento do negócio, especialmente em épocas de crise, como a que estamos vivendo atualmente em função da pandemia do novo coronavírus. Portanto, é necessário que a empresa apresente diferenciais competitivos, com ações inovadoras, adequação às novas tecnologias e um atendimento de excelência para atrair, reter, satisfazer e fidelizar seus clientes, criando – por meio do encantamento – um estado de lua de mel permanente entre a empresa e sua clientela”, pontuou Xavier.

O presidente da Aspa, José Luiz Torres, lembrou no final da transmissão da importância dos profissionais da cadeia de abastecimento e consumo: vendedores, promotores, motoristas, representantes comerciais, estoquistas, repositores, empacotadores e operadores de caixa, entre outros, que estão incansavelmente trabalhando diante da atual pandemia. “Temos que valorizar e aplaudir esses trabalhadores, que estão empenhados ao máximo para garantir tanto o fornecimento, no caso das indústrias e dos atacadistas e distribuidores, como a venda direta ao consumidor final, no caso do varejo mercearil, especialmente o pequeno varejo, principal cliente do nosso setor e importante canal de compras para as famílias brasileiras. Esses profissionais devem ser valorizados diariamente por toda a sociedade”, disse Torres.

*Com dados da assessoria de imprensa da Aspa

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *