Deputado ouve entidades e retira projeto que exige estoque distante do consumidor  

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Em reunião realizada na quarta-feira (2/6), representantes de várias entidades do atacado e varejo, incluindo a ABAD, apresentaram ao deputado Leonardo Gadelha (PSC-PB) argumentos contra o Projeto de Lei 1463/21, que exige que estabelecimentos de atacado que atendam no varejo mantenham os estoques em local distinto do atendimento ao público. “Mostramos a inviabilidade técnica, econômica e de logística. Felizmente, ele entendeu que o projeto não faria sentido”, afirma o vice-presidente da ABAD, Juliano Faria Souto, que representou o presidente Leonardo Miguel Severini no encontro virtual.

Diante das considerações, o deputado Gadelha, que é autor do projeto, se comprometeu a retirar o PL de tramitação na Câmara dos Deputados. Em troca, pediu o compromisso dos representantes das entidades para ajudá-lo a construir um projeto ainda melhor, aprimorando as normas e buscando um elevado nível de segurança para todos os colaboradores e clientes das lojas.

Argumentos

O encontro serviu para que ambas as partes apresentassem argumentos diante da determinação expressa no projeto. “Estamos certos de que conseguimos demonstrar ao deputado que a segurança das lojas é um dos itens de maior preocupação no segmento, com amplo investimento, seguindo rígidas normas e fiscalização constante”, acrescentou o vice-presidente da ABAD.

Ao mesmo tempo, ao ouvi-lo, os representantes das entidades tiveram a convicção da motivação do deputado ao apresentar o referido projeto, mostrando legítima preocupação em relação ao bem-estar dos consumidores e colaboradores que frequentam os estabelecimentos comerciais que possuem esse formato.

“Ao final do encontro, ficamos gratos pelo excelente trabalho e pela coerência de discurso do deputado. Temos certeza de que, com as devidas correções, e a contribuição das entidades, o projeto pode ser ainda melhor”, concluiu Juliano.

Ouça abaixo declaração exclusiva do deputado ao ABADNEWS logo após o encontro:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Protocolo de Funcionamento

A ABAD preparou um protocolo formal para ajudar o setor atacadista e distribuidor a implementar as medidas de prevenção para evitar possíveis impactos da doença na empresa, nos funcionários e colaboradores e nas relações jurídicas. Acesse:

Protocolo de Funcionamento

A ABAD preparou um protocolo formal para ajudar o setor atacadista e distribuidor a implementar as medidas de prevenção para evitar possíveis impactos do Covid-19 na empresa, nos funcionários e colaboradores e nas relações jurídicas. Clique na animação para vizualizar:

POLÍTICA DE Privacidade: Este site usa cookies para garantir que você obtenha a melhor experiência de navegação.